Redação 

As visitas aos presos na Penitenciária Central do Estado (PCE) devem voltar a ser autorizadas somente nesta quarta (9) em razão de duas mortes registradas no local nos últimos dias. Uma delas foi a de Luiz Freideriano de Souza, de 48 anos, no sábado (5), por suspeita de meningite.

Apesar do falecimento ter resultado no cancelamento das visitas de parentes no sábado e domingo, a assessoria da Secretaria de Estado de Segurança Pública, Justiça e Direitos Humanos informou que o laudo do Lacen-MT, que ficou pronto na segunda (7), deu positivo para Streptococcus, um tipo de meningite que não pode ser transmitida de uma pessoa para outra. O preso também tinha histórico de otite.

Outra morte registrada foi a do detento Fernando Magalhães da Costa, 25, que cumpria pena por tráfico de drogas há apenas 15 dias no local e foi encontrado morto também no sábado. As causas da morte ainda são desconhecidas e devem ser investigadas pela Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

Segundo informações da Sesp, as visitas seguirão suspensas apenas nesse raio onde aconteceu o falecimento de Fernando Costa. As demais visitas na Penitenciária Central serão liberadas e poderão ser feitas, além das quartas, aos sábados e domingos.

Deixe uma resposta