Globo Esporte.com

Com um gol de Cavani, o PSG derrotou o Toulouse por 1 a 0 e segue na liderança isolada do Campeonato Francês. No entanto, o resultado – uma rotina na temporada – ficou sem segundo plano. Afinal, depois de mais de seis meses afastado por conta de uma grave lesão no joelho, o lateral-direito Daniel Alves voltou a jogar.

Sem Neymar e Mpbappé, ambos machucados e que ainda dependem de avaliação médica para saber se enfrentam o Liverpool pela Liga dos Campeões no meio de semana, o PSG começou fulminante, abrindo o placar com o uruguaio Cavani aos nove minutos de partida.

Do banco de reservas, Daniel Alves vibrou, assim como Neymar, que assistiu ao duelo das tribunas do estádio Parque dos Príncipes.

Jogador com mais títulos da história do futebol mundial (38 conquistas), o lateral de 35 anos entrou aos 24 do segundo tempo da partida e teve bom desempenho. Daniel Alves não jogava desde o dia 8 de maio, quando se machucou durante a final da Copa da França – vencida pelo PSG. A lesão o tirou do Mundial da Rússia.

Agora, o PSG soma 14 vitórias em 14 jogos e é o líder disparado do Campeonato Francês com 42 pontos, 15 à frente do Lyon, vice-líder.

Compartilhar
Notícia anteriorPedido de socorro
Próxima notíciaEmanuelle Calgaro

Deixe uma resposta