Olhar Direto 

A estudante de direito Hya Girotto, única sobrevivente do atropelamento em frente à boate Valley no dia 23 de dezembro, na Avenida Isaac Póvoas, em Cuiabá, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), nesta quarta-feira (09). Segundo o irmão, Leandro Girotto, ela deverá ser submetida a um novo procedimento. Ela está internada no Hospital Geral, para onde foi transferida depois de passar pelo Pronto–Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC).

Leandro disse que Hya deverá ser submetida a uma Angiotomografia, exame de diagnóstico rápido que permite a perfeita visualização de placas de gordura ou cálcio no interior das veias e artérias do corpo. O procedimento pode ser feito entre sexta e segunda-feira.

Leandro disse que ela já está se alimentando bem e sem a sonda. Hya também já conseguiu dar alguns passos com ajuda de uma fisioterapeuta. Depois que acordou do coma, a estudante não se lembrou do acidente, mas foi informada pela família. No entanto, ainda não sabe da morte dos amigos, Myllena de Lacerda Inocêncio, de 22 anos e Ramon Alcides Viveiros.

Deixe uma resposta