Redação Extra MT

Após denúncia, professora da rede estadual de ensino é presa tentando vender revólver, no supermercado Atacadão, na região do Porto, em Cuiabá 

Márcia Agripina Ramires Jamil, 52 anos,Professora da rede estadual de educação, foi presa em flagrante, no  Atacadão do Porto, na Capital, na tarde de quinta-feira (06), tentando vender um  revólver calibre 38. Um homem, identificado como Henry Silva de Vasconcelos, 33 anos, também foi preso junto com Márcia.

As informações são do 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM), que, após denúncia anônima, se descolaram até a localidade e flagraram a professora com portando a arma.

De acordo com o Portal da Transparência, Márcia é professora de educação básica e está lotada em escola em Cuiabá e tem salário de R$ 6.506,92.

Deixe uma resposta