Redação Extra MT 

Ao escolher a nova composição do Diretório municipal  do Democratas, Fábio Garcia não agradou lideranças antigas da base, como o ex-governador Júlio Campos e o senador Jayme Campos.

Fábio nomeou somente nomes ligados a Mauro Mendes, deixando de fora filiados com mais de 30 anos de militância pela sigla. Isso fez os Campos e demais membros surpresos. Outro ponto da insatisfação da base, foi só ficarem sabendo das nomeações pela mídia.

Julio Campos, que é secretário-geral do DEM,  também afirmou que está aguardando o retorno do irmão Jayme Campos de Brasília (DF) para na sexta-feira realizar uma reunião para definir como ficará a composição provisória, que deve ser alterada já na semana que vem na Justiça Eleitoral.

“Os filiados antigos que militam desde que o DEM ainda era PFL foram esquecidos. Eu falei com o Fábio e ele me disse que sua secretária não entregou a lista que eu deixei para ela com os nomes destes filiados que estão conosco mais de 30 anos. O assunto já está superado e na sexta vamos definir o diretório”, disse Julio.

 A certidão de composição do diretório do DEM em Cuiabá, com validade até o dia 13 de novembro foi registrada na Justiça Eleitoral com o cantor Alberto Machado, o ‘Beto Dois a Um’, como presidente. O registro foi feito na última terça-feira (13).

Além de Beto, também compõe o novo diretório o secretário de Infraestrutura Marcelo de Oliveira, o ex-presidente do Detran, Thiago França, o ex-secretário de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, José Rodrigues Rocha Júnior, o ex-secretário Domingos Sávio e o advogado Pascoal Santullo.

Deixe uma resposta