Redação Extra MT 

O Governo do Estado deve endurecer o monitoramento de empresas de Mato Grosso. A medida é necessária, segundo o secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo, para incrementar a receita do estado.

Isso será feito com o monitoramento  dos 700 maiores contribuintes. Além dessa medida, o Governo anunciou também o fortalecimento da fiscalização de trânsito e das fronteiras. “Acreditamos que até o mês de junho o pagamento dos salários dos servidores poderá ser normalizado”, declarou Gallo.

A meta da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), é incrementar a receita através de algumas medidas, como o Fethab e com um projeto de lei que será encaminhado à Assembleia Legislativa de Mato Grosso, relacionado às renúncias fiscais e incentivos fiscais. O Estado também pretende combater a sonegação de impostos e fortalecer a fiscalização.

“Tem uma perspectiva de endurecimento no monitoramento dos contribuintes, sobretudo os 700 maiores contribuintes, nós vamos fazer esse combate à sonegação, e também o fortalecimento da fiscalização de trânsito e da de fronteiras”, disse Gallo.

Com estas medidas o Governo espera que até o próximo mês de junho tenha condições de normalizar o pagamento dos salários dos servidores, para que seja feito no dia 10.

Com informações do site Olhar Direto 

Deixe uma resposta